Quer ter a casa dos seus sonhos? Crédito Habitação

Credito casa

Quer ter a casa dos seus sonhos?

Crédito Habitação

Aqui ficam algumas coisas que precisa de saber:

A aquisição de uma casa é a ambição de muitos de nós. No entanto, para adquirir a casa dos seus sonhos, muitos portugueses têm de recorrer ao Crédito Habitação

Nos dias de hoje, escolher o banco é um processo que pode ser demorado e bastante burocrático, podendo inclusivamente tornar-se um pesadelo.

Este que é o grande passo na vida de qualquer português, tem de ser ponderado e se possível, aconselhado, pois a maioria dos créditos duram uma vida, e com uma boa decisão pode poupar milhares de euros.

Há que analisar todos os pontos, nomeadamente o valor do crédito a solicitar, o prazo do crédito, a idade dos compradores, as despesas que cada banco cobra, bem como outros fatores a analisar.

Um intermediário de crédito, pode ajudá-lo a tomar a melhor decisão apresentando-lhe várias soluções para o seu caso.

O que é o Crédito Habitação?

Um crédito, independente do seu tipo, é sempre pedir dinheiro emprestado.

E o Crédito Habitação por ter como garantia um ativo real, é a solução de crédito mais barata do mercado.

Os bancos emprestam a totalidade do valor da aquisição?

Os bancos não emprestam a totalidade do valor de aquisição.

Apenas emprestam no máximo 90% em caso de habitação própria e 80% em caso de habitação secundária (estas percentagens aplicam-se ao menor dos valores, ou o de compra, ou o de avaliação).

O resto do valor da compra tem que ser pago através do recurso a Capitais Próprios.

O que é a tão falada Taxa de Esforço?

A Taxa de Esforço é um dos fatores mais importantes a ter em conta na análise e decisão de aprovação de um crédito habitação.

É também através do cálculo da taxa de esforço que conseguiremos analisar e decidir qual o valor até ao qual poderemos comprar um imóvel.

O recomendado é que a Taxa de esforço não seja superior a 30%, e imaginado que numa vida familiar de dois titulares em que cada um receba 2.000€ líquidos por mês, recomenda-se que o valor da prestação mensal não seja superior a 600€.

Ficou com dúvidas?

Por ser um tema sensível e por vezes de difícil análise é normal que tenha ficado com dúvidas.

Se as quiser esclarecer ou se gostava de saber mais sobre a compra de um imóvel recorrendo ao crédito habitação não hesite em contactar o Balcão do Emigrante. No Balcão encontrará técnicos devidamente certificados e credenciados para lhe falar sobre crédito habitação.

Ao submeter autorizo o Balcão do Emigrante, e os seus parceiros, a processar os seus dados conforme descrito na Política de Privacidade.