O Balcão do Emigrante é uma instituição privada

Siza Vieira

Início » Artigos » Siza Vieira

Siza Vieira nasceu em Matosinhos em 1933.

Cedo ingressou em arquitetura na Escola Superior de Belas Artes do Porto em 1949, sendo que a sua primeira obra foi construída em 1954 no qual ainda era a aluno.

A complementar a sua profissão, lecionou entre 1966 a 1969 na Escola na qual foi aluno (Escola Superior de Belas Artes do Porto) no qual mais tarde reingressou como professor assistente.  Foi professor visitante em vários estabelecimentos de ensino portugueses e estrangeiros tais como: Escola Politécnica de Lausanne, Universidade de Pensilvânia, etc.

Siza Vieira é autor de numerosos projetos, criador de vários marcos arquitetónicas portugueses e internacionais, influenciando desta forma a arquitetura portuguesa.

As suas obras incluem a Casa de Chá da Boa nova, em Leça da Palmeira, a Faculdade de Arquitetura da Universidade do Porto, o museu de Arte Contemporânea de Serralves e a conhecida Igreja de Marco de Canaveses. No estrangeiro pode-se referir as obras como em Espanha, o cento meteorológico da Vila olímpica de Barcelona, dirigiu o plano de recuperação da Zona 5 de Schliderswij na Holanda.

Siza Vieira foi detentor de vários prémios entre eles, o prémio Prince of Wales da Harvard, prémio Pritzker da Fundação Hyatt de Chicago, o prémio imperiale pela Japan Art Association, entre outros.

Foi doutorado “Honoris Causa” pela Escola Politécnica Federal de Lausanne, Universidade Politécnica de Valência, Universidade de Palermo, Universidade Coimbra, etc.

As suas obras encontram-se presentes em várias exposições internacionais e portuguesas.

Siza Veira é o arquiteto português mais premiado de sempre.

partilhar
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on email
outros artigos
dispomos de outros artigos que podem ser do seu interesse

Programa Regressar Portugal

Programa Regressar a Portugal o que é o Programa regressar? O Governo Português criou o Programa Regressar para incentivar os emigrantes portugueses a voltar a Portugal e

ler artigo »